Altos

Por Roseanny Carvalho
Foto: Lucas Gaspar

Altos é a cidade ideal para quem busca o equilíbrio entre homem e a natureza, contanto com serras, cachoeiras e piscinas naturais. A uma distância de 39 km de Teresina, capital do Piauí, Altos apresenta uma área de 960 km² e 40 mil habitantes.

A história do município começou por volta de 1800, quando João de Paiva Oliveira deixa o Ceará para residir em São José dos Altos. Seus descendentes se espalharam pelas áreas de Alto-Franco, Alto da Casa Nova e Alto de João de Paiva, que veio a ser chamado de Altos de João de Paiva.

Cônego Honório vigário da freguesia de Nossa Senhora do Amparo, de Teresina, trouxe grandes benefícios a Altos de João de Paiva. Por iniciativa dele, a construção da Igreja de São José teve início em 1901, trazendo desenvolvimento à localidade vizinha à capital.

DSC04470

A Floresta Nacional de Palmares é o principal atrativo do município de Altos.

Outro que trouxe melhorias para o município foi o Capitão Francisco Raulino, que, em 1891, estabeleceu ali a primeira loja de tecidos que importava e exportava mercadorias.

As manifestações religiosas e populares são uma expressão forte da cultura de Altos. Os Festejos de São José dos Altos, as Festas Juninas, a Festa do Divino, os Reisados, o Bumba-Meu-Boi, as danças de São Gonçalo, são as principais festividades da região. 

Atualmente há catalogado no município três sítios paleontológicos que contam com um importante acervo de lenhos fósseis, todos em bom estado de conservação. As peças têm entre 230 a 250 milhões de anos e correspondem a Era Paleozóica, período Permiano. É no município que se encontra a Floresta Nacional de Palmares*, que possui grande riqueza quando se trata de flora da caatinga e do cerrado, contanto com várias espécies de árvores, além de uma fauna diversificada.

* A Floresta Nacional de Palmares estará no livro fotográfico Expedição Piauí – O Sol do Equador. Mais informações sobre a Coleção EcoExpedições no menu esquerdo do portal da Panorama Cultural ou no site www.colecaoecoexpedicoes.com.br. Os extras publicados no portal trazem informações e curiosidades das áreas visitadas ao longo do projeto.