Ameaças à APA da Costa dos Corais – Pesca

Por Roseanny Carvalho
Foto: Luiz Netto

A pesca é uma atividade que tem sido praticada ao longo dos séculos. Inicialmente era feita para complementar a alimentação, mas, com o passar dos anos, devido ao crescimento de vilas e cidades, também se tornou uma atividade comercial, a fim de gerar lucro.

Na APA da Costa dos Corais* devido ao crescimento da atividade pesqueira, regras foram estabelecidas para evitar danos à sustentabilidade dos recursos pescados, ao ecossistema e ao sustento dos muitos pescadores. Entre as várias maneiras de exercer a atividade, algumas têm causado muitos problemas aos ecossistemas.

A pesca não-industrial não é proibida nas praias que compõem a APA, mas algumas espécies são alvo de atividades específicas com o objetivo de manutenção das populações existentes, como é o caso da lagosta, do polvo e do caranguejo.

A lagosta é um dos principais recursos de pesca brasileiro e o mais prejudicado devido à captura de exemplares pequenos e o uso de técnicas ilegais. Hoje existem normas que impedem determinadas maneiras de captura da lagosta para a proteção da espécie – tais como a pesca fora do tamanho mínimo (11 cm para a lagosta-verde e 13 cm para lagosta-vermelha), pesca com armadilha (manzuá ou covo), a captura de fêmeas ovígeras (com ovos externos) e a época de defeso de 180 dias (que ocorre de dezembro a maio).

O polvo também vem sendo prejudicado devido à técnica usada na captura, que é feita com água sanitária. A substância é usada para forçar o polvo a sair do seu habitat. Além de comprometer a qualidade do produto, a substância causa fortes danos ao meio ambiente, matando não só o polvo como todos os seres que vive ao redor dele, e impede que outro polvo volte a viver naquele meio.

PE_ApaCostaDosCorais_FotosSub_201505-1006

Pescador artesanal de polvos, de posse apenas de arpão. A atividade não é proibida na APA, desde que feita dentro de normas estabelecidas.

A pesca de caranguejo, feita com redinha, tem causado grande impacto, pois a técnica não seleciona o caranguejo (por tamanho e sexo) capturando qualquer tipo. Além disso, o animal pode ficar preso à rede por dias e acabar morrendo, perdendo assim o seu valor comercial. A pesca é proibida no período de andada (época de reprodução, onde o caranguejo fêmea e macho saem para acasalar, depositando seus ovos no manguezal), momento em que os caranguejos encontram-se mais vulneráveis.

*A  APA da Costa dos Corais está no livro fotográfico Expedição Pernambuco – O Leão do Norte. Mais informações sobre a Coleção EcoExpedições no menu esquerdo do portal da Panorama Cultural ou no site www.colecaoecoexpedicoes.com.br. Os extras publicados no portal trazem informações e curiosidades das áreas visitadas ao longo do projeto.