Ameaças à APA – Turismo desordenado

Por Roseanny Carvalho
Foto: Luiz Netto

A APA da Costa dos Corais* atrai turistas do todos os lugares do mundo, que visitam o lugar em todas as épocas do ano, fazendo do turismo a atividade econômica principal da região e sustentado inúmeras famílias de forma direta ou indireta.

Muito procurado por mergulhadores e banhistas, os recifes de corais das piscinas naturais têm sofrido um grande impacto ambiental devido ao excesso de pessoas e de embarcações, a poluição excessiva e o uso de âncoras, que causam danos irreversíveis tanto aos recifes, quanto às espécies de peixes que neles vivem.

PE_APACostaDosCorais-1001

Embarcações levando turistas à Capela de São Benedito, no fim da Praia dos Carneiros.

A Praia dos Carneiros e de Tamandaré estão entre os destinos pernambucanos mais procurados por no estado de Pernambuco, o que gera outros problemas, como o excesso e acúmulo de lixo, que além das já habituais consequências que tem-se nas grandes cidades, como poluição visual, odor desagradável, propagação de  doenças, entre outros, no caso da APA, ainda pode prejudicar e matar muitas espécies, como, por exemplo, a tartaruga-marinha, que por vezes costuma confundir sacos plásticos e outros objetos com alimento, não sendo raro encontrar nas biópsias realizadas em animais mortos, pedaços destes objetos nos estômagos e intestinos dos animais.

A regulação do fluxo de lanchas, motos aquáticas e outras embarcações também é uma atividade que o conselho gestor da APA tem se dedicado. Hélices e âncoras são itens agressivos aos corais e animais, além de um risco também a banhistas desavisados. A fiscalização nas embarcações costuma ser reforçada nas áreas mais críticas e sensíveis dos corais pernambucanos, como no parte sul da Praia de Tamandaré.

*A  APA da Costa dos Corais está no livro fotográfico Expedição Pernambuco – O Leão do Norte. Mais informações sobre a Coleção EcoExpedições no menu esquerdo do portal da Panorama Cultural ou no site www.colecaoecoexpedicoes.com.br. Os extras publicados no portal trazem informações e curiosidades das áreas visitadas ao longo do projeto.