Divisão do Parque Nacional Canaima

Luiz Netto

Como uma forma de abordar ecossistemas de características distintas e também ceder mais páginas do livro Expedição Venezuela – La Tierra de Gracia para o gigantesco Parque Nacional Canaima, a Panorama Cultural optou dividí-lo dentro do projeto em duas áreas: norte e sul, abordando de forma mais completa esta unidade de conservação que possui as dimensões de um país.

Como região Norte entende-se toda a área iniciada no limite do parque com Ciudad Bolívar, passando pelo Salto Angel, maior cachoeira do mundo e todos os tepuys, cavernas e longos rios como o Churum.  

O sul, já a partir da divisa com o Brasil, a começar por Santa Elena de Uairen, estarão na sessão do projeto destinada à savana sul-americana, conhecida oficialmente como Gran Sabana e que possui em sua região os míticos tepuys como o Kekunan e o Monte Roraima, ponto da tríplice fronteira Brasil-Venezuela-Guiana Inglesa.

A divisão atenderá a uma melhor divisão dos EXTRAS a serem publicados no site, bem como a uma divisão natural que os nativos da região costumam utilizar ao desingar as áreas do parque.

 


* O Parque Nacional Canaima estará no livro fotográfico Expedição Venezuela – La Tierra de Gracia. Mais informações sobre a Coleção EcoExpedições no menu esquerdo do portal da Panorama Cultural ou no site www.colecaoecoexpedicoes.com.br. Os extras publicados no portal trazem informações e curiosidades das áreas visitadas ao longo do projeto.