Outras povoados da parte norte do Canaima

Por Karina Morais
Foto: Luiz Netto

 

img_3463

 

Na parte norte do Parque Nacional Canaima* vamos conhecer algumas cidades simples, mas de belezas naturais de tirar o fôlego e encher os olhos de imagens únicas e belas.

KAMARATA –  é uma aldeia Pemón antiga no Río Akanan, no sopé do sudeste de Auyantepui.  Existem alguns lugares simples para ficar e comer na cidade, e uma pista de pouso. É o ponto de partida para uma viagem  de canoa de  Angel Falls para Canaima, ou uma caminhada de vários dias de aventura para Auyantepui, seguindo parte da rota tomada por Jimmy Angel em 1937.

URUYEN – este lugar privilegiado se encontra no Vale de Uruyen, ao pé do Auyantepuy. Está ao lado de um lindo rio onde pode-se tomar banho e nadar. Poucos lugares podem oferecer um amanhecer tão formoso quando os raios do sol nascente iluminam as paredes do tepuy. Uruyen é um privilégio para quem se quer afastar do mundo e deixar assombrar pela natureza.

KAVAC – consiste em 20  churuatas  construídos no estilo tradicional, assemelhando-se a uma vila. Na parte inferior do Auyantepui podemos ver algumas vistas fabulosas em direção ao cume. É um belíssimo local. Grande atração da região é o espetacular Cueva de Kavac, que, apesar do nome, não é uma caverna, mas um desfiladeiro profundo com uma cachoeira de mergulhar de encher os olhos.


* O Parque Nacional Canaima estará no livro fotográfico Expedição Venezuela – La Tierra de Gracia. Mais informações sobre a Coleção EcoExpedições no menu esquerdo do portal da Panorama Cultural ou no site www.colecaoecoexpedicoes.com.br. Os extras publicados no portal trazem informações e curiosidades das áreas visitadas ao longo do projeto.