Principais atrações da Serra das Confusões

Por Fred França
Fotos: Luiz Netto

O maior parque nacional do nordeste brasileiro teria que ter, sem sombra de dúvidas, muitas atrações. Com várias portarias espalhadas pelas diversas cidades que abrange, algumas não abertas ao público, a Serra das Confusões apresenta cavernas, sítios arqueológicos, mirantes, dentre outras atrações. Confira a seguir uma lista com as principais delas.

Gruta do Riacho dos Bois

Um dos locais mais mágicos da unidade de conservação, a gruta foi escavada em rocha pelo riacho de mesmo nome, que nos dias atuais se apresenta seco quase todo o ano. São cerca de 3 quilômetros de extensão entre falésias e trechos completamente fechados, os quais em alguns pontos chegam a mais de 50 metros de altura.

Pedra do Guardião

Formação rochosa em arenito, comum no trecho do Parque dos arredores da cidade de Caracol, podendo ser vista de um dos principais mirantes da região.

 

12108774_10205292015482224_2934286453589034810_n-768x512

As montanhas de arenito estão espalhadas por toda a Serra das Confusões com destaque para as que se situam nas proximidades do município de Caracol.

194A6759

O Parque Nacional da Serra das Confusões possui mais deu 150 sítios arqueológicos catalogados em seu território. 

Serra das Andorinhas

Trecho das montanhas de arenito de grande porte mais conhecidas da unidade de conservação, com vegetação rasteira, devido ao solo rochoso o que facilita a visitação e o deslocamento.

Serra das Gerais

Trecho montanhoso mais distante dos núcleos urbanos, isolado de vegetação mais fechada. Favorece o encontro com a fauna nativa da caatinga.

Sítios arqueológicos

Os sítios arqueológicos já foram alvo de uma matéria exclusiva aqui no projeto, além  de uma galeria publicada. São mais de 150 deles espalhados pela unidade de conservação muitos deles encontrados recentemente, o que indica que ainda existem muitos a serem descobertos. 

* O Parque Nacional da Serra das Confusões estará no livro fotográfico Expedição Piauí – O Sol do Equador. Mais informações sobre a Coleção EcoExpedições no menu esquerdo do portal da Panorama Cultural ou no site www.colecaoecoexpedicoes.com.br. Os extras publicados no portal trazem informações e curiosidades das áreas visitadas ao longo do projeto.