X Bienal Internacional do Livro de Pernambuco

Por Augusto Cataldi

Bienal

A Bienal Internacional do Livro de Pernambuco, em sua 10ª edição, traz novidades para o público em geral. Com o tema “Literatura, Resistência e Transformação”, a feira de livro homenageia os poetas pernambucanos Ascenso Ferreira, Miró da Muribeca e a escritora Luzilá Gonçalves, além de promover vários debates envolvendo grandes nomes da área das letras no país. O evento teve início dia 2 de outubro e segue até o dia 12, no horário das 10h às 22h, no Centro de Convenções, em Olinda.

A programação completa está disponível no site do evento (www.bienalpernambuco.com) e contará com uma grande diversidade de eventos, tais como mesas redondas, palestras, minicursos, aulas espetáculos, oficinas, entre outros, ao longo de onze dias de evento. Este ano o visitante poderá também acompanhar tudo por uma plataforma mobile  desenvolvida para os principais sistemas operacionais de celulares.

As atrações se dividem em três grandes espaços. No Espaço Paulo Freire haverá várias atrações culturais com debates sobre Política, Gênero e Jornalismo. Já no espaço Ascenso Café será possível interagir com vários autores, contando com debates sobre suas respectivas obras. Por fim, a Plataforma de Lançamentos será o local de dezenas de lançamentos de livros e de eventos com o nosso Sarau Poetizando a Rotina.

A bienal está hoje entre os três principais eventos literários do país e está na pauta do calendário cultural de Pernambuco, tendo recebido ao longo de suas nove primeiras edições cerca de 2 milhões de visitantes e gerado 2,5 mil empregos diretos e indiretos.

A Panorama Cultural, em parceria com o Coletivo Poetizando a Rotina, participou da Bienal com a 4ª edição do Sarau Poetizando a Rotina. O evento contou com a participação de vários poetas locais que mostraram sua arte através de seus poemas. O microfone foi aberto ao público, garantindo ao espectador a oportunidade de mostrar o seu talento.